0 item(s)R$0,00

Mais Imagens

Almofada AMAZONITA

Descrição Rápida

Almofada Verde Amazonita

Disponível: Em estoque

R$149,00

Detalhes

COLEÇÃO PEDRAS VERDES | Almofada Verde Amazonita | Cor: Verde Amazonita | Tamanho: 45x45cm | Frente: Crochê confeccionado com lã 100% acrilico | Verso: tecido viscose | Validade: Indefinida | Acompanha enchimento: fibra siliconada | IMPORTANTE: por se tratar de uma peça artesanal, mantemos um estoque minimo e limitado. Caso deseje uma quantidade maior, favor entrar em contato através do e-mail atendimento@vivianparre.com.br para lhe informarmos sobre o prazo de confecção e entrega. Crochê é uma arte secular, o nome vem de um termo existente no dialeto nórdico que significa gancho (origem também na palavra francesa “croc”) referindo-se a forma do bico da agulha de Crochê, que puxa os pontos. Algumas teorias apontam sua origem na Europa, outras de que a técnica foi criada na Arábia e chegou à Espanha pelas rotas comerciais do Mediterrâneo, e posteriormente se difundiram entre tribos da América do Sul, que usavam os adornos em rituais de puberdade. Na China, confeccionava-se bonecas, porém, não se tem evidências concretas sobre exatamente onde se originou esta arte. Sendo assim, nosso objetivo consiste em promover a arte do Crochê, reinventando este saber tradicional com um toque de inovação e enaltecendo a beleza do artesanato. O aprendizado foi passando de geração para geração, desde nossas antepassadas Catarina Vivian e Josefina Parre, e hoje temos o imenso prazer em oferecer peças confeccionadas à mão, usando somente agulha, lã e muita criatividade. O nome escolhido para o tom Verde foi AMAZONITA, relacionado a uma pedra verde que pertence às pedras sagradas dos índios, considerada valiosa por quase todos os povos indígenas como pedra de adorno e de cura. Muito usada como pedra ornamental, principalmente joias e estatuária. A forma preferida de lapidação é como cabochão, pois é um mineral não translúcido e a lapidação facetada pouco acrescenta à beleza da gema. Seu nome deriva do rio Amazonas, pois na Europa acreditava-se que as primeiras amostras que lá chegaram provinham das margens deste rio. Ocorre em pegmatitos graníticos, principalmente no Estado de Minas Gerais. Também chamada erroneamente de jade-do-brasil. O amazonita moderno é um mineral de ocorrência limitada. Inicialmente, era obtido quase exclusivamente da área de Miyask nas montanhas Ilmen, 50 milhas a sudoeste de Chebabinsk, na Rússia, onde ocorre naturalmente em rochas graníticas. Mais recentemente, cristais de alta qualidade foram obtidos em Pike's Peak, no Colorado, onde se encontra associado com quartzo fumado, ortoclaso e albita em granito ou pegmatita grosso. Outras localidades nos EUA têm amazonita e pode também ser encontrada em pegmatite em Madagáscar. Devido a sua cor verde viva, o amazonita é por vezes cortado e polido como uma pedra preciosa. A cor foi atribuída à presença de cobre mas porque este é removido pelo calor, é provável que se deva a algum pigmento orgânico, talvez um sal ou ferro orgânico. A composição quimica da amazonita é KAlSi₃O₈ .

Tags do Produto

Use espaços para separar as tags. E aspas simples (') para frases.